ANSELMOO coronel Anselmo Brandão, comandante da Polícia Militar da Bahia (PM-BA), afirmou nesta quarta-feira (21), que ação será intensa para diminuir mortes de policiais. “São 32 mil homens ativos na operacionalidade, temos que acompanhar isso. Não vamos aceitar bandido matando policial”, justificou. 
O novo comandante da PM explicou também que está realizando uma força-tarefa junto com Maurício Barbosa, secretário de Segurança Pública da Bahia, na união das duas forças PM e Civil, para coibir a marginalidade em todo o estado.
Estamos com um grupo de trabalho só para tratar de crimes contra a PM. Nós estamos pedindo que os policias se protejam. Para que não tenha chance de serem surpreendidos. Bandido que matar policial vai se ver mau“, afirmou.