quinta-feira, 20 de novembro de 2014

DIA DA BANDEIRA



O dia da Bandeira Brasileira – Nosso Pavilhão Nacional!
O dia da bandeira foi comemorado no 2º Batalhão como é de praxe com um cerimonial alusivo a data.  Autoridades militares e civis assistiram ao ato solene de incineração da bandeira nosso maior símbolo. Estiveram presentes no cerimonial o Coronel Reis CMT do CPRS, Sr. José Nassau escritor e colunista, oficiais e praças das diversas companhias da região bem como outras autoridades... Na oportunidade, A Al SGT PM Beatriz leu a ordem do dia, o Sr José Nassau enfatizou a importância de cultuarmos a nossa bandeira e o Coronel Reis hasteou a bandeira representando todos os militares...
Confira fotos...


História do Dia da Bandeira

O Dia da Bandeira foi criado no ano de 1889, através do decreto lei número 4, em homenagem a este símbolo máximo da pátria. Como nossa bandeira foi instituída quatro dias após a Proclamação da República, comemoramos em 19 de novembro o Dia da Bandeira. 
Nesta data ocorrem, no Brasil, diversos eventos e comemorações cívicas nas escolas, órgãos governamentais, clubes e outros locais públicos. É o momento de lembrarmos e homenagearmos o símbolo que representa nossa pátria. Estas comemorações ocorrem, geralmente, acompanhadas do Hino à Bandeira. Este lindo hino ressalta a beleza e explica o significado da bandeira nacional.

Curiosidades sobre a bandeira brasileira:

- Quando várias bandeiras são hasteadas em nosso país, a brasileira deve ser a primeira a chegar no topo do mastro e a última a descer.
- Quando uma bandeira brasileira fica velha, suja ou rasgada, deve ser imediatamente substituída por uma nova. A bandeira velha deve ser recolhida a uma unidade militar, que providenciará a queima da mesma no dia 19 de novembro.
- Caso a bandeira fique hasteada no período noturno, ela deve ser iluminada.

 

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

A 68ªCIPM , APPI E DIREC 6 PROMOVEM CONCURSO DE REDAÇÃO E DESENHO NAS ESCOLAS

Hoje, no Jornal do Meio dia na TV Santa Cruz em Itabuna o Major Câmara, Comandante da 68CIPM Ilhéus foi entrevistado pelo apresentador Jorge Sarmento e ressaltou a importância do CONCURSO DE REDAÇÃO E DESENHO LIVRE com o tema “ILHÉUS EM VIOLÊNCIA É BEM MELHOR” que está sendo aplicado nos colégios pertencentes a área da 68ªCIPM podendo participar alunos da rede pública e privada com premiações para os melhores trabalhos. O concurso é resultado da parceria que se firmou entre a PM, a APPI e a Direc 6 e tem como objetivo prevenir o uso de drogas consequentemente diminuir a violência nas escolas e nas comunidades. A premiação acontecerá no dia 4 de dezembro durante a passeata pelo centro da cidade de Ilhéus.
Além desse trabalho integrado, a 68ªCIPM desenvolve trabalhos preventivos ao uso indiscriminado  de drogas ministrando palestras para alunos através do CTECD – Centro de Tecnológico de Enfrentamento ao CracK e outras drogas, palestras estas ministradas por 15 policiais que foram capacitados pela UESC; Escolinha de futebol funcionando a todo vapor, dentre outras atividades...
O diferencial dessa Campanha é a integração entre a PM e os organismos responsáveis pela educação de crianças e adolescentes do município de Ilhéus.
Ser cidadão não é só ter direito a voto, pagar tributos, ter uma carteira de identidade, ter pai e mãe, obedecer às leis, enfim ser cidadão não é só isso é sim participar e ter consciência social e crítica, poder identificar problemas e tentar solucioná-los.
Os problemas sociais são de competência de todos nós!
Participe você também!
 

domingo, 16 de novembro de 2014

Show de Pablo em Ilhéus...

Mesmo debaixo de forte chuva mais de 15 mil pessoas foram ao show de Pablo "a voz romântica" no Centro de convenções de Ilhéus no sábado 15/11/14... Aliás, não foi uma simples chuva foi dilúvio com direito a raios, trovões e tudo mais... Todo castigo é pouco! O povão que sofre por amor se divertiu ao som de Pablo e outras bandas sem confusão. Deus e a PM no controle de tudo!
A tendência é essa diversão sem confusão.
"O povo não quer só comida, quer diversão e arte."
Todo mundo já teve ou tem um amor bem ou mal correspondido...
"Tá doendo é?"

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Diabetes é melhor prevenir!

PREVENÇÃO - Prevenir doenças é uma medida inteligente. Hoje dia 12/11/14 na sede da 68ªCIPM recebemos a visita ilustre da nossa amiga e parceira Srª CELINHA CARDOSO diretora da Associação dos Diabéticos em Ilhéus que nos "espetou" o dedo e nos orientou acerca do diabetes sobretudo da sua prevenção. A doença, segundo especialistas vem crescendo no Brasil e já acomete 7,4% dos brasileiros percentual aferido no ano passado, contra 5,3% em 2006. São 13,4 milhões de diabéticos no Brasil.
Diabetes é melhor prevenir!

Fumar maconha todos os dias deforma seu cérebro e encolhe a massa cinzenta, afirma nova pesquisa

Fumar maconha todos os dias pode danificar estruturas cerebrais, sugere grupo de pesquisadores.

O uso regular da droga parece encolher a massa cinzenta do cérebro (um importante componente do sistema nervoso central), é o que mostrou vários exames realizados em usuários que fumavam em grandes quantidades.
Em compensação, a “massa branca” do cérebro, que conecta diferentes partes do órgão, acaba crescendo para compensar a perda das células vitais. O problema gera dificuldades em reagir às informações.
O estudo, que realizou varreduras no cérebro, é o primeiro a investigar o impacto neurológico da droga em usuários de longo prazo. Os resultados adicionaram um peso crescente nas evidências que sugerem que a maconha é mais prejudicial do que pensamos.
 
Os cientistas, encabeçados por Wayne Hall, principal autor do estudo e conselheiro de drogas da Organização Mundial de Saúde, fizeram uma revisão em dados produzidos por pesquisas nos últimos 20 anos sobre a Cannabis sativa. Os resultados mostraram que um a cada seis adolescentes que usam maconha se tornam dependentes da droga. Quando comparado em adultos, a relação é de um para cada dez adultos.
Essa revisão ainda sugeriu que o uso da Cannabis sativa em adolescentes dobra o risco de desenvolver doenças psicóticas, incluindo esquizofrenia.
As varreduras cerebrais mostraram que os usuários que fumam uma média de 3 vezes ao dia, tinham volumes menores da massa cinzenta no córtex orbitofrontal – parte do cérebro envolvida no processamento mental e na tomada de decisões.
Esta pesquisa é única porque combina três técnicas de imagens de ressonância para avaliar diferentes características do cérebro”, disse a Dra. Sina Aslan, da Universidade do Texas.
Ao total, 48 adultos foram estudados com idades entre 20-36 anos, comparados com outro grupo de 62 adultos não usuários.
A pesquisa trata do consumo da Cannabis sativa via tabagismo. Os efeitos das substâncias isoladas da maconha como o canabidiol e tetrahidrocanabinol, que já demonstraram efeitos benéficos à saúde, não foram avaliados.

Alexandre Garcia: “agentes da lei são enfraquecidos pelas autoridades” Comentarista defende que o modelo de segurança pública no Brasil precisa ser revisto e afirma que “quem está a serviço da lei precisa ser seu maior escravo; do policial ao juiz”.

O jeitinho de driblar as leis só aumenta a insegurança porque a sensação é de que pouca gente é punida.


 
É difícil ser punido no Brasil. A maior parte dos crimes não são solucionados. A maior parte dos criminosos não são julgados. A maior parte dos condenados não são presos. E a maior parte dos que acabam cumprindo pena têm um altíssimo índice de reincidência. Voltam a praticar o crime.
Temos uma guerra interna; 154 brasileiros são mortos por dia em assassinatos em que não estão computados os crimes de trânsito. E é o país do mundo onde mais policiais são mortos. Nosso modelo de segurança pública precisa ser revisto. A responsabilidade tem que ser dos três entes federativos: União, estados e municípios. As drogas, que são o combustível da maior parte do crime, entram pelos vizinhos, como Bolívia, Colômbia, Paraguai, assim como as armas potentes dos bandidos.
Somos o maior consumidor de crack do mundo; o segundo de cocaína. E nós, brasileiros, ficamos olhando. Como nação, apoiamos a quem? Apoiamos a lei, ou desacreditamos na lei, na polícia?
Nos países do mundo desenvolvido, acreditam na polícia e nas leis. Nossas leis apoiam as vítimas? Garantem a punição aos bandidos? Nos Estados Unidos, o policial herói é tratado como herói. Aqui, não. É difícil ser policial neste país; policial por vocação, como a maioria. Os que dão a vida pela lei, pelos outros, essa é a maioria.
Aos que traem suas instituições, se desviam e viram bandidos. Neste país, agentes da lei são enfraquecidos pelas próprias autoridades - e não me refiro àqueles, que mesmo não sendo deuses, querem estar acima da lei. A propósito, quem está a serviço da lei precisa ser seu maior escravo. Do policial ao juiz.